fbpx
19.5 C
São Paulo
domingo, 15 maio 2022
Home#BemPretaDeputada Erica Malunguinho fomenta mapeamento inédito da UNESP sobre comunidades tradicionais de...

Deputada Erica Malunguinho fomenta mapeamento inédito da UNESP sobre comunidades tradicionais de matrizes africanas no Estado de São Paulo

Iniciativa ganha apoio via emenda parlamentar e deve iniciar operação no começo do segundo semestre

Seguindo sua jornada política de ações focadas nos fundamentos de raça e gênero, a deputada Erica Malunguinho destina verba para um inédito programa de mapeamento de comunidades tradicionais de matrizes africanas, que será conduzido pela UNESP. A ideia é criar mecanismos para criação de  políticas públicas eficazes para essas populações, historicamente excluídas pelo direcionamento conservador de governos e prefeituras.

O projeto abarca a criação de uma plataforma online, onde lideranças das comunidades possam se cadastrar, incluindo informações de suas diretrizes filosóficas, além de necessidades estruturais e de ocupação de território. A partir do conhecimento gerado também será possível identificar formas de combate ao racismo institucional direcionado aos costumes e ideais destas pessoas. De acordo com a deputada, “jogará luz no combate ao preconceito que é lançado sobre estas comunidades de terreiro, de forma também a evitar a articulação de ações genéricas, que acabam atendendo apenas parcialmente às soluções de seus problemas”.  

À frente da atuação da plataforma estará o professor Juarez Xavier, mestre e doutor, atual Vice Diretor da Faculdade de Arquitetura, Artes, Comunicação e Design (FAAC). De acordo com Xavier, “Será formado um grupo de trabalho com representantes da FAAC, de forma a identificar particularidades dessas comunidades na relação com o sagrado, seus costumes e necessidades, a partir de uma ferramenta tecnológica amigável – sendo prática e intuitiva para o auto cadastro. A partir dos dados coletados será criado um banco de dados para dar suporte, tanto ao mandato quanto a demais instituições parceiras, afim de se intensificar a observação do cumprimento dos direitos dessas pessoas, de acordo com o que é determinado pela Constituição do país”.  

Malunguinho esteve em Bauru entre os dias 25 e 26 de abril, quando ministrou aula magna sobre diversidade na política durante a Semana de Recepção aos Ingressantes na faculdade entre 2020 e 2022. Na cidade ela também participou de ação do Sesc local, pelo projeto “O que te tira dos centros – Artes periféricas, ancestralidade e decolonialidade e Artes Transgressoras”.

Compartilhe

- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES