fbpx
19.5 C
São Paulo
segunda-feira, 16 maio 2022
HomeCelebridadesO que incomoda mais: o racismo ou pessoas negras mostrando suas personalidades?

O que incomoda mais: o racismo ou pessoas negras mostrando suas personalidades?

Algumas pessoas gostam de abominar o racismo apenas da boca para fora, pois são as primeiras a cometerem tais atos

Em uma roda com pessoas brancas e “descontruídas”, sempre é possível ouvir que o racismo é desumano, mas então é só virar as costas que a situação muda de figura. Muitos configuram o preconceito racial dentro de uma caixinha: chamar de macaco é racismo, por exemplo, porém sabemos que a situação vai muito além disso.

Os olhares tortos, as falas do “fulano me causa medo”, mesmo sem a pessoa ter feito nada. Afinal, quando o preto é assertivo, ele vira alvo porque se torna “agressivo”. Tudo isso e mais um pouco está dentro do espectro racista e todas essas microagressões, que na verdade são gigantes, contribuem para atos extremos de violência.

Essas situações que não deviam ser corriqueiras continuam acontecendo porque fazem parte de um sistema e do coletivo social, além de beneficiar uma classe dominante: os brancos. Por isso, antes de se dizer antirracista ou aliado do movimento negro, é preciso checar bem suas atitudes. Como funciona o seu julgamento para pessoas pretas? Quantas convivem diretamente com você? Entre outras definições.

Será que algum dia artistas negros serão valorizados no Brasil?

Alguns brancos mantêm uma relação superficial, apenas para usar os pretos como Wikipédia e esquecem que as pessoas negras produzem, arte, cultura, pesquisas e são apenas pessoas também. Ninguém gosta de falar apenas sobre racismo o tempo todo.

As instituições são apenas a materialização de uma estrutura social ou de um modo socialização que tem o racismo como um de seus componentes orgânicos.

Silvio de Abreu no livro “Racismo Estrutural”.

“O meu sonho é trabalhar e olhar pro lado e ver minhas manas, meus irmãos trabalhando pra caramba e sendo reconhecidos”, diz Juliana Alves

O racismo está sim em todos os lugares

Quem nunca ouviu a frase “mas você vê racismo em tudo”? Será que realmente é da cabeça dos outros? Só no BBB22, um programa com câmeras por todo lado, tivemos inúmeros episódios e sabemos que a tendência é piorar.

Nessa segunda semana de reality de show, foi possível observar a narrativa construída pelos brancos, onde o Douglas Silva já está sendo chamado de grosso, arrogante e agressivo. Veja bem, o primeiro ator brasileiro a ser indicado ao Emmy não tem direito de ser orgulhoso? Ou então de expor sua opinião com firmeza? Aparentemente, ainda temos que curvar a cabeça. O mesmo acontece com a participante Natália Deodato, que já foi colocada como a vilã invejosa contra as mocinhas brancas de 30 anos.

Por que o número de pessoas negras interessadas em cursar Medicina está aumentando?

Ao que parece, ser preto é o grande incômodo, o racismo é um sistema que mata, priva e ainda, nos dias de hoje, tortura. Falar sobre o assunto cansa e esgota, mesmo sendo necessário, porém não é um dever único e exclusivo das pessoas negras, os brancos precisam se ver como seres de raça e saber agir corretamente, mas para isso terão que abrir mão de alguns privilégios.

Compartilhe

Maria Angélicahttps://todosnegrosdomundo.com.br
Tenho 22 anos, sou nascida e criada no litoral, caiçara com muito orgulho. Além disso, também sou formada em Comunicação Social - Jornalismo. Sempre me encantei com o poder das palavras e por isso sinto que o jornalismo me escolheu, durante a minha breve trajetória profissional tive a oportunidade de contar histórias lindas e é o que pretendo continuar fazendo.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES