Notícia

Racismo: Uber divulga nota sobre motorista que ameaçou Yuri Marçal

Na última terça-feira (28), Yuri Marçal foi vítima de racismo quando um motorista do aplicativo Uber o ameaçou de morte, enquanto o humorista seguia de Porto Alegre para Farroupilha.

Nas redes sociais, Yuri detalhou o caso: “Meu produtor entrou na frente e eu entrei atrás. Aí, o racista falou para que eu não ficasse atrás dele, senão ele teria que me dar um tiro”.

Logo após o ocorrido, o comediante explicou ter saído do carro e seu produtor cancelado a viagem. No dia seguinte, ainda, Yuri Marçal citou que procuraria seus direitos legalmente frente à ameaça.

Com a repercussão do caso, a Uber entrou em contato com o TNM e enviou uma nota oficial da empresa, explicando que o funcionário em questão teve sua conta banida e que o aplicativo não compactua com suas ideias.

Apesar da atenção em gerar uma nota, lembrando os valores do aplicativo e informando que o motorista em questão teve sua conta bloqueada, o que, segundo a representante da empresa, significa ser banido, é importante lembrar que a demissão não é a solução para casos como este.

Em paralelo, é necessário realizar ações afirmativas, contratar funcionários negros, em diferentes setores da empresa, treinar motoristas sobre o racismo, ampliar as formas de conscientização para que casos como este não se repitam.

Compartilhe esta notícia
Load More Related Articles
Load More By Amanda Sthephanie
Load More In Notícia

Facebook Comments

deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Além disso, verifique

AFROPUNK MAIOR FESTIVAL DE CULTURA NEGRA DO MUNDO ACONTECERÁ NO BRASIL

foto reprodução Instagram A informação que parecia ser ...

Facebook

Newsletter