fbpx
19.5 C
São Paulo
domingo, 05 dezembro 2021
HomeCelebridadesAfeto e paternidade: Podcast "Tô Na Trace" com Lázaro Ramos

Afeto e paternidade: Podcast “Tô Na Trace” com Lázaro Ramos

Produzido pela Globo e Trace Brasil, apresentado por Kenya Sade, o podcast Tô na Trace traz o tema paternidade e infância com o ator e escritor Lázaro Ramos

“A minha experiência é de um pai que não estava naquele catálogo de pai ideal de novela, aquele cara que abraça ou que fala ‘eu te amo’ o tempo todo…” Declara Lázaro Ramos. Reconhecer os acontecimentos do passado e entender a ligação com o futuro faz parte da ancestralidade.

Em uma conversa descontraída apresentada por Kenya Sade e participações de Alberto Pereira Jr. e Ad Júnior, o podcast “Tô Na Trace”, produzido pela Globo e Trace Brasil, trouxe em seu decimo episódio o ator Lázaro ramos, que falou sobre a paternidade, a infância e os projetos do futuro.

Hoje, pai de dois filhos João Vicente e Maria Antônia, Lázaro se recorda dos ensinamentos e do sentimento de afetividade com seu pai. Mesmo em tom mais reservado, Sr. Ivan soube exercer a paternidade. “Por outro lado, ele demonstrava esse amor da maneira que era possível para ele e a cada ano que passa eu venho reconhecendo! Primeira coisa, é que ele foi muito responsável e muito exemplar, um homem muito justo e ético, e ele passava isso com suas atitudes de generosidade, parceria, na maneira como era líder da nossa família, um líder generoso e não o que manda, o líder que acolhe. Esse é o Sr Ivan!  ”, comenta o ator.

Ser um pai no Brasil é desafio, quando se adiciona a questão racial no topo as dificuldades se multiplicam. “A primeira vez que meu filho me falou sobre racismo, eu que sou ativista e que penso sobre o tempo todo, fiquei sem resposta. Eu não sabia o que falar, pois afeta o nosso emocional também!”

Lázaro ainda conta que esse processo evoluí a todo momento. “[…] No meu caminho, eu entendi algumas coisas: primeiro que eu não vou ter respostas para tudo, mas que é muito importante eu estar atento, presente e disposto para aprender todos os dias. O processo é este, não sinto que tenha uma fórmula e a cada fase dos meus filhos, eu vou ter que me adaptar às demandas que chegam, desde as demandas raciais que chegam no colégio e encontram os desafios de rejeição, de inadequação e como lidar com isso é uma pergunta que eu me faço todos os dias!

Listas Extraordinárias: mais uma produção TNM para a Trace Brazuca

Tô Na Trace

Além disso, o podcast discorreu sobre o filme “Medida Provisória’’, dirigido por ele e com data de estreia prevista para este ano.

Em um clima de afeto, a conversa é encerrada com os participantes indicando músicas que fizeram parte de suas infâncias. Alberto Pereira Jr. também traz uma playlist completa em homenagem à paternidade e às famílias, da  MPB ao Rap.

Confira o episódio na íntegra e acesse o portal da Trace para ficar conectado com a programação.

Compartilhe

Maria Angélicahttp://www.todosnegrosdomundo.com.br
Tenho 22 anos, sou nascida e criada no litoral, caiçara com muito orgulho. Além disso, também sou formada em Comunicação Social - Jornalismo. Sempre me encantei com o poder das palavras e por isso sinto que o jornalismo me escolheu, durante a minha breve trajetória profissional tive a oportunidade de contar histórias lindas e é o que pretendo continuar fazendo.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES