fbpx
19.5 C
São Paulo
segunda-feira, 23 maio 2022
HomeDivulgaçãoEspetáculo “NUANG – Caminhos da liberdade” estreia no Teatro Ruth de Souza...

Espetáculo “NUANG – Caminhos da liberdade” estreia no Teatro Ruth de Souza dia 12

Após temporada em Angola, “NUANG – Caminhos da liberdade” chega ao Brasil com preço popular

A história narra os desafios de uma menina africana que reconhece os seus valores apesar do racismo e dos obstáculos enfrentados pelo seu povo.

Ancestralidade, cultura, educação, identidade, liberdade e pertencimento. Após estreia no 16º Festival Internacional de Teatro do Cazenga (FESTECA), em Luanda, Angola, em dezembro de 2021, o elenco de “NUANG – Caminhos da liberdade”, se prepara para as apresentações no Teatro Ruth de Souza, no Parque das Ruínas, no Rio de Janeiro.

O espetáculo infanto-juvenil, que acontece nos dias 12, 13, 19 e 20 de fevereiro, foi criado a partir da estética africana e afro-brasileira das máscaras, musicalidade e narrativas, entrelaçando a vida de Nuang, uma menina africana nascida no Reino de Uthando, que cresceu compreendendo a responsabilidade com o seu povo, carregando consigo os valores de sua comunidade, mesmo em meio às violências.

“Sou grato por poder trabalhar com a lenda que é o Spike Lee na minha docussérie”, diz Colin Kaepernick ao anunciar nova produção da ESPN

NUANG – Caminhos da liberdade

Elaborado através do livro original de Janine Rodrigues (@janinerodrigues_n), a atriz e diretora Tatiana Henrique acredita que o espetáculo reforça a importância do fortalecimento sobre ancestralidade. “Viver esse espetáculo significa dizer para as crianças de hoje, nossos ancestrais de amanhã, tudo aquilo que eu queria ter reconhecido quando criança, mas ninguém tinha como me contar, porque os nossos mais velhos tinham sido ensinados a esquecer também”, ressaltou.

“Nuang” aborda ainda a importância do combate ao racismo e a intolerância religiosa. “Nuang resolve as questões do cotidiano da vida com a força da sua espiritualidade. Precisamos naturalizar essa presença entre nós, porque a relação com a natureza, a convivência entre o visível e o invisível faz parte das nossas heranças africanas”, salienta Tatiana.

Além de provocar discussões em torno de temas que ainda permeiam a sociedade de forma agressiva, como a discriminação racial, “NUANG – caminhos da liberdade” fortalece a urgência da aceitação e do amor a si mesmo. De forma lúdica, porém, cirúrgica, o espetáculo enfatiza a necessidade do olhar cuidadoso que o negro deve ter sobre si, seu povo e sua história.  

De acordo com Tatiana, se engana quem enxerga a Nuang como uma menina escravizada. Muito pelo contrário, ela, tão jovem, mostra o espírito de liberdade que habita em seu ser, apesar dos desafios impostos em sua trajetória. “Mesmo com os obstáculos do tempo histórico que a cerca, ela relembra a beleza de sua existência, de onde ela veio, do pertencimento. Nuang é a história de uma menina livre, totalmente consciente do que ela é. É uma história de amor à cultura, a si mesma, de amor aos seus valores e beleza que ela carrega”, pontuou a diretora.

Janine Rodrigues, autora do livro "NUANG – Caminhos da liberdade”
Janine Rodrigues, autora do livro “NUANG – Caminhos da liberdade” | Foto: Reprodução

Após temporada calorosa, de interação e participação cativa dos angolanos pelas apresentações, em Luanda, o espetáculo “NUANG – Caminhos da liberdade” estreia neste sábado, 12, às 11h, no Teatro Ruth de Souza, no Parque das Ruínas, no Rio de Janeiro, entrando em cena novamente nos dias 13, 19 e 20, também às 11h. Já em março, as apresentações acontecerão nos dias 5, 6, 12 e 13, sempre às 11h. Os ingressos podem ser adquiridos através do link.

Espetáculo “NUANG – Caminhos da liberdade” estreia no Teatro Ruth de Souza, com preço popular
Espetáculo “NUANG – Caminhos da liberdade” estreia no Teatro Ruth de Souza, com preço popular | Foto: Ilustração/Divulgação

Em sua 1ª edição, o projeto “Mãos Empoderadas” traz alternativas para a geração de renda

Ficha técnica:

Livro original de Janine Rodrigues
Atuação: Hebert Said, João Pedro Zabeti, Junior Melo, Samara Costa e Tatiana Henrique
Concepção, direção e texto adaptado: Tatiana Henrique
Figurino e Cenografia: Carla Costa
Assistência de figurino: Cássia Salles
Máscaras: Rodrigo Sangodaré
Direção Musical: Lwiza Gannibal
Preparação vocal: Lilian Valeska
Composições: Lwiza Gannibal e Tatiana Henrique
Iluminação: Hebert Said
Operação de luz: Thayssa Carvalho
Tradução em LIBRAS: JDL Traduções
Arte gráfica: Lukas Stonem
Assessoria de Imprensa: Laís Monteiro/Monteiro Assessoria
Apoios: Centro de Teatro do Oprimido, Goethe Institut, JDL traduções, Movimento Moleque, Piraporiando
Realização: Obalufônica e Humus
Apoio: Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura

SERVIÇO:

NUANG – CAMINHOS DA LIBERDADE

DATA: 12, 13, 19 e 20 de fevereiro de 2022

HORA: 11h

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: Livre

TEMPO: 50 minutos

LOCAL: Parque das Ruinas – Santa Teresa (Rua Murtinho Nobre, 169)

GÊNERO: Narrativo infantojuvenil

INGRESSOS: R$10,00 inteira e R$5,00 meia

Compartilhe

Maria Angélicahttps://todosnegrosdomundo.com.br
Tenho 22 anos, sou nascida e criada no litoral, caiçara com muito orgulho. Além disso, também sou formada em Comunicação Social - Jornalismo. Sempre me encantei com o poder das palavras e por isso sinto que o jornalismo me escolheu, durante a minha breve trajetória profissional tive a oportunidade de contar histórias lindas e é o que pretendo continuar fazendo.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES