fbpx
19.5 C
São Paulo
quarta-feira, 29 junho 2022
HomeNotíciaNatália Balbino promove oficina de roteiro gratuita na Vila Cruzeiro

Natália Balbino promove oficina de roteiro gratuita na Vila Cruzeiro

Nascida e criada na comunidade carioca, a atriz e roteirista desenvolveu o projeto “O QUE VOCÊ QUER SER QUANDO CRESCER?” para alunos da rede municipal de ensino.

Por conta da pandemia no ano de 2020, uma geração de jovens alunos ficou ainda mais distante das salas de aula e, consequentemente, de seus sonhos e do mercado profissional de trabalho. O fato não passou despercebido pela atriz e roteirista Natália Balbino que, intencionando reconectá-los à prática da escrita, desenvolveu o projeto “O QUE VOCÊ QUER SER QUANDO CRESCER?”, ministrado através de aulas no YouTube entre os dias 1º e 17 de Março. Contemplado pela Lei Aldir Blanc de incentivo à cultura na categoria Arte e Escola, o projeto visa estimular a criatividade pulsante de alunos da rede municipal de ensino da Vila Cruzeiro com 13 anos ou mais.

Conheça a oficina Maria Moana – Moda é para todos!

“Esta ação é uma oportunidade de compartilhar com estes jovens a experiência que tenho adquirido. Como atriz e roteirista, quero poder evidenciar a importância da educação na formação profissional, sem esquecer a competitividade inerente ao mercado de trabalho. Não à toa, o nome do projeto resgata uma pergunta tão recorrente, um gatilho que pretende estimular esses jovens a se conectarem com seus sonhos e com o desejo de um futuro possível apesar das circunstâncias”, destaca Natália, que esteve na equipe de roteiristas da TV Globo.

A oficina vai trabalhar a escrita criativa de roteiro audiovisual a partir da pergunta “o que você quer ser quando crescer?”. Através de atividades online, os alunos conhecerão as bases do roteiro audiovisual para produzir, numa atividade final, um roteiro e uma peça filmada em seus celulares no formato self-tape deste mesmo roteiro. “Ser cria do Complexo da Penha me proporciona um olhar mais complexo, de dentro. Como roteirista, eu consigo perceber quais são as histórias que a gente não aguenta mais ouvir e contribuir com aquelas que há tempos a gente tem necessidade em contar”, ressalta a artista engajada de 25 anos.

Trabalhando para que outros jovens tenham cada vez mais oportunidades de crescimento, Natália iniciou seus estudos na Leonor Coelho Pereira, escola municipal da Vila Cruzeiro. “A primeira aula de teatro que tive aconteceu dentro desta escola, onde cursei toda a educação básica até a 5ª série. A minha trajetória acabou seguindo com o auxílio de políticas públicas de acesso à educação e, na universidade, pude me reconectar com o meu território e pesquisar sobre os grupos de teatro que resistem há anos na Vila Cruzeiro”, relembra Natália Balbino.

Tendo como uma de suas características a função de incubadora de talentos, o Voz das Comunidades, um dos veículos comunitários mais antigos, inspirou Natália em sua trajetória. “Ele tem uma influência gigantesca sobre qualquer jovem favelado como eu. Não só pelo trabalho informativo que desenvolve há anos dentro da comunidade, mas também pelo papel fundamental na formação e na projeção de novos profissionais no mercado de trabalho”, orgulha-se.

Bacharel em Artes Cênicas pela PUC-Rio, Natália é mestranda em Artes da Cena pela UFRJ, uma trajetória que, segundo ela, só foi possível graças a iniciativas que também almejavam a democratização do acesso à educação e cultura. “Eu quero poder apresentar aos alunos todo um universo que vem se abrindo atento às vozes negras e periféricas, demandando novas histórias, novas personas e explorando todo esse campo subjetivo, disponibilizando ferramentas técnicas para que eles possam contar as suas próprias histórias para o mundo”, finaliza.

Compartilhe

Vinícius Gonçalves
Vinícius Gonçalves
Geminiano, viciado em tecnologia, filmes de terror e cinema.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES