fbpx
19.5 C
São Paulo
terça-feira, 07 dezembro 2021
HomeNotíciaMo'Nique está processando a Netflix

Mo’Nique está processando a Netflix

Segundo pedido para que o processo seja descartado é negado em juízo federal.

Mo’Nique, premiada atriz e comediante, está processando a Netflix por preconceito de gênero e raça. O processo seria decorrente de uma oferta muito baixa feita a um especial de comédia que não foi ao ar. 

Trace Brazuca – canal de conteúdo afro-urbano será lançado em 25 de julho – saiba como participar!

De acordo com os documentos da ação, o próprio juiz que negou o segundo pedido para que o processo fosse desconsiderado teria dito “Mo’Nique alega, de forma plausível, que, depois de falar abertamente e acusar a oferta de discriminatória, a Netflix a retaliou e encerrou sua prática padrão de negociação de boa fé, que geralmente resulta em um aumento na oferta inicial”.

A Netflix alega que a ação de Mo’Nique não tem base legal direta, mas aparentemente o Tribunal discorda, já que por duas vezes seus pedidos para que o processo seja desconsiderado foram negados. David deRubertis, advogado da atriz, declarou: “A decisão de hoje é uma vitória importante para os talentos de Hollywood que, assim como quaisquer outros trabalhadores, precisam de proteções contra retaliação caso manifestem preocupações a respeito de discriminação salarial no processo de contratação”. 

A alegação da atriz se baseia no fato de que a oferta inicial da Netflix era significativamente menor do que as ofertas feitas a outros de seus colegas de trabalho, em especial aqueles que são homens e brancos. O processo diz que, apesar do extenso currículo de Mo’Nique e de seu sucesso documentado na história da comédia, quando a Netflix a apresentou a proposta para um especial exclusivo de stand-up comedy, o valor era apenas uma fração daquele oferecido a outros comediantes (que não eram mulheres negras). Vale lembrar que a atriz recebeu o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante em 2010 pelo filme “Preciosa”.

O processo parece estar bem embasado, pois cita acordos anteriores que variam entre 16 (para o comediante Jeff Dunham) e 70 milhões de dólares (para Eddie Murphy), enquanto sua oferta foi de 500 mil dólares. Depois de suas declarações, a comediante afro-americana Wanda Sykes disse também ter sido procurada pelo streaming e que a oferta feita a ela foi de menos da metade do valor oferecido a Mo’Nique.

Na época em que o processo foi anunciado, Mo’Nique postou em seu Instagram: “Olá meus amores – posso confirmar que hoje entrei com um processo de discriminação salarial contra a Netflix. Eu tinha uma escolha a fazer: aceitar o que eu senti ser discriminação salarial ou me posicionar por aqueles que vieram antes de mim e pelos que virão depois de mim. Eu escolhi me posicionar. Não tenho mais nenhum comentário neste momento, mas aprecio o apoio e o amor de vocês.”

Fonte:

View this post on Instagram

LAWSUIT AGAINST NETFLIX!!!! I LOVE US 4 REAL!!

A post shared by Mo'nique (@therealmoworldwide) on

Via: NBC News

Compartilhe

Thais Senahttp://www.todosnegrosdomundo.com.br
Sou professora de inglês, formada em Comércio Exterior, estudante de Pedagogia na Universidade Federal de São Paulo e parte do grupo de Pesquisa Laroyê - Culturas Infantis e Pedagogias Descolonizadoras. Já atuei como professora voluntária e em projetos populares, fez formação em parceria com a Prefeitura de São Paulo e o Conselho Britânico e há 6 anos atua também na Ebony English, que ensina inglês com cultura negra.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES