fbpx
19.5 C
São Paulo
sábado, 27 novembro 2021
HomeCelebridadesMichaela Coel recusa oferta milionária da Netflix

Michaela Coel recusa oferta milionária da Netflix

A atriz e criadora de Chewing Gum, Michaela Coel, recusou uma oferta milionária do serviço de streaming Netflix. Quando a atriz começou a criar todo o conceito da série I May Destroy You, em 2017, a Netflix ofereceu um contrato de US$1 milhão pelos direitos da série. Coel optou por negar a proposta quando percebeu que não teria nenhuma porcentagem dos direitos autorais pela série. Em entrevista à Vulture, Coel disse que tentou negociar para ter pelo menos 5% sobre a série.

Marvel faz parceria com editora para lançar livros em quadrinhos de Miles Morales e Shuri, irmã do Pantera Negra

“Houve apenas um silêncio no telefone”, e ela disse: ‘Não é assim que fazemos as coisas aqui. Ninguém faz isso, não é grande coisa. Eu disse: ‘Se não é grande coisa, eu realmente gostaria de ter 5% dos meus direitos‘. E então ela me disse essas palavras e eu finalmente percebi — não sou louca. Isso é loucura., disse Coel.

Além disso, ela ainda tentou 2%, 1% e até 0,5%, sem sucesso. Depois disso, Michaela Coel apresentou o projeto para a BBC e no dia seguinte recebeu um e-mail dizendo que ela teria tudo o que precisasse. Assento na produção, controle criativo sob a série e direitos totais sobre a série. A HBO é co-produtora da série e faz a distribuição internacional.

“Eu era tão indigna de confiança no setor que olhei para o e-mail e pensei que precisava de um dia. Eu não estava feliz. É um e-mail incrível.”, contou Coel.

A série “I May Detroy You” foi criada baseada em experiências próprias de Coel e está sendo uma das mais bem avaliadas do ano, com uma média de 96% de aprovação no Rotten Tomatoes e 85 pontos pelo Metacritic.

Compartilhe

Vinícius Gonçalves
Geminiano, viciado em tecnologia, filmes de terror e cinema.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES