fbpx
19.5 C
São Paulo
sexta-feira, 03 dezembro 2021
HomeMe RepresentaMédico negro emociona ao se comunicar em libras com pacientes

Médico negro emociona ao se comunicar em libras com pacientes

Um casal de pacientes com deficiência auditiva foi a um hospital do SUS para se comunicar. Durante a consulta, a surpresa: Fred Nicácio, médico negro e ouvinte, podia se comunicar com o casal por Libras.

Quando os dois entraram na sala, o médico rapidamente percebeu que não eram ouvintes e estabeleceu o primeiro contato, já que sabia um pouco de libras, conforme conta em seu Instagram.

“Foi incrível ver nos olhos deles o brilho e a expressão de felicidade ao ver que o médico do lado de cá estava literalmente entendendo a sua dor”, completou na publicação.

Ao final da publicação, o médico lembra que “representatividade, acessibilidade e inclusão importam muito sim”. O caso emocionou internautas, reafirmando o quanto uma medida inclusiva pode resultar em outra medida inclusiva.

No Brasil, infelizmente, ainda é raro ser atendido por médicos negros. Por outro lado, é gratificante saber que quem, assim como Fred Nicácio, tem alcançado o sonho da medicina, tem se preocupado ainda em tornar o atendimento um sonho também para o paciente.

View this post on Instagram

Hoje fui surpreendido no meu plantão do SUS. Um casal de pacientes com deficiência auditiva veio se consultar. Ao entrar, ela já foi logo demonstrando que não era ouvinte. Eu não sou fluente, mas sei um pouco de LIBRAS, e comecei a estabelecer o primeiro contato. Foi incrível ver nos olhos deles o brilho e a expressão de felicidade ao ver que o médico do lado de cá estava literalmente entendendo a sua dor. É gratificante demais poder trabalhar de forma inclusiva, garantido a dignidade do outro. É muito bom poder ser instrumento de Deus para mudar a vida de pessoas. ????✊???? Seguimos firmes. Representatividade, acessibilidade e inclusão importam muito sim! #MedicoNegro #LIBRAS #Medicina

A post shared by DR. FRED NICÁCIO (@frednicacio) on

Compartilhe

Amanda Sthephaniehttp://www.todosnegrosdomundo.com.br
Preta. Pobre. Poeta. Periférica. Prounista. Filha de Oxum, tem paixão pela palavra e estuda o último ano de Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES