Música

Ludmilla, você só merece palmas

Na última terça-feira (29), rolou no Rio de Janeiro o 26º Prêmio Multishow. “Onda Diferente”, musica de Ludmilla e Anitta que causou polêmicas foi premiado como Melhor Música Chiclete.

E aí começa tudo. Anitta trocava de roupa, de acordo com o Extra, quando o prêmio foi anunciado e Ludmilla subiu ao palco sozinha ao som de vaias e de gritos de fãs pedindo por Anitta.

Ludmilla, mesmo assim, agradeceu o prêmio é voltou para o seu lugar, com o apoio de Paulo Gustavo, que lembrou a importância de uma mulher negra, bissexual e periférica naquele espaço.

Mais tarde, Ludmilla foi premiada como a cantora do ano e teve uma reação emocionante. A artista chorou, pediu que meninas periféricas não desistissem dos seus sonhos e agradeceu pelas vaias.

Neste momento, artistas como Iza e Preta Gil também se emocionaram na plateia e, aqui, eu deixo a terceira pessoa para dizer que também me emocionei.

Ludmilla é uma menina negra, periférica, bissexual, que começou sua carreira como Mc Beyoncé. E na minha adolescência, carros com as musicas dessa menina passavam na minha rua.

Uma menina muito longe de status, do dinheiro e da fama como hoje ela felizmente alcançou. Naquela época, Lud já era exemplo, assim como permanece sendo hoje. Ludmilla não merece vaias, Ludmilla merece palmas.

Eu não consigo entender a perseguição que as pessoas têm com artistas negros. A polêmica sobre “Onda Diferente” em nada dá direito a fãs enlouquecidos de vaiar alguém que tem trabalhado duro e levado consigo sua família, seus amigos e sua raiz.

Que Ludmilla erga sempre sua voz e que esta conquista, mesmo em meio a vaias, seja só a primeira de muitas. E que essa menina negra, bi e periférica nunca pare, e saiba sempre que mesmo as palmas são pouco para ela.

Compartilhe esta notícia
Load More Related Articles
Load More By Amanda Sthephanie
Load More In Música

Facebook Comments

deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Além disso, verifique

Bia Doxum lança “ÀTÚNWA”

Com 13 faixas, “ÀTÚNWA” é o novo disco ...

Facebook

Newsletter