fbpx
19.5 C
São Paulo
domingo, 15 maio 2022
HomeNotíciaLisiane Lemos fala sobre transição de carreira

Lisiane Lemos fala sobre transição de carreira

Advogada por formação, a executiva fez pivotagem de carreira com sucesso para a área de tecnologia, passando por grandes multinacionais, como Microsoft e, atualmente, Google.

Especialista em transformação digital e co-fundadora do Conselheira 101, Lisiane Lemos é advogada por formação e atuava na área de direitos humanos. Após um intercâmbio para África, em Moçambique, sua carreira deu um giro de 360° graus ao querer focar em tecnologia, sendo a Microsoft a empresa pioneira de sua atuação em tech.

DJ Zullu anuncia a ‘Zulluzada’, festa temática dentro do projeto ‘Mundo do Zullu’

Hoje, a executiva é Gerente de Programas de Recrutamento de Diversidade, Inclusão e Equidade, e concilia inovação e impacto social dentro e fora das empresas onde trabalha, pautada pelo seu próprio desenvolvimento pessoal e profissional. “Paciência e resiliência. A transição não é uma coisa que acontece do dia pra noite. Exige recursos, networking e planejamento. Provavelmente você vai fazer dezenas de entrevistas antes de dar certo e isso exige paciência e resiliência”, aconselha Lisiane.

  1. Leia, pesquise e estude sobre a nova carreira: uma das primeiras coisas que você pode fazer quando decide mudar os rumos da sua carreira profissional é ler, pesquisar e estudar sobre a nova área. Comece com leituras em sites, notícias ou livros, por exemplo. Invista em cursos gratuitos também para conhecer mais as várias possibilidades de atuação e com o que mais você terá vontade de atuar.
  2. Faça um planejamento: fazer um planejamento é muito importante nesse momento, uma vez que será possível se organizar, estabelecer metas e objetivos a curto, médio e longo prazo, além de direcionar recursos e energias. Por exemplo, se você pretende ir para uma área que ainda conhece pouco, será necessário realizar cursos ou formações, gratuitos ou pagos. No caso desses últimos, você precisará direcionar parte da sua renda sem prejudicar o seu orçamento mensal. Também será necessário dividir a realização deles em curto a longo prazo.
  3. Tenha calma e paciência: quando queremos mudar de carreira, a nossa maior vontade é migrar da noite para o dia. Porém, isso não acontece. Sei que é difícil controlar a ansiedade, mas é importante se respeitar e entender o seu momento e processo. É como plantar uma semente, cuidar dela diariamente, até ela crescer, dar flores, depois frutos até chegar o tempo de colher. Aprender a ter calma, colocar um tijolo de cada vez e não se comparar, vai deixar a caminhada mais tranquila.
  4. Aprenda a construir o seu networking: ao pensar em pivotar a carreira não deixe de construir e fortalecer a sua rede de contatos. Comunicar o seu objetivo e se mostrar aberta para dicas, parcerias, aprendizados, mentorias, entre outros, é importante e pode te abrir portas. Mas não deixe também de se conectar com pessoas da área onde você deseja seguir a carreira, peça dicas e acompanhe os assuntos atuais que elas compartilham. Redes Sociais profissionais, como o LinkedIn, são um ótimo local para construir e fortalecer o networking, ampliar o repertório e encontrar vagas.
  5. Mantenha o currículo atualizado e se aplique às vagas: deixe sempre o seu currículo atualizado e seja intencional, ou seja, mostre que quer pivotar a carreira e que está se preparando para isso. Depois, comece a se candidatar para as vagas e apresentar nos processos seletivos como as suas experiências e repertórios adquiridos na carreira atual podem te ajudar na carreira que você almeja.

Compartilhe

Vinícius Gonçalves
Geminiano, viciado em tecnologia, filmes de terror e cinema.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES