fbpx
19.5 C
São Paulo
sábado, 27 novembro 2021
HomeNotíciaLeBron James ganha Emmy por documentário sobre Muhammad Ali

LeBron James ganha Emmy por documentário sobre Muhammad Ali

O jogador também foi nomeado por outra produção e falou recentemente a respeito do lançamento de seu livro infantil

O jogador de basquete LeBron James, considerado um dos melhores jogadores de todos os tempos, compartilhou em seu perfil no Twitter provas de que seu talento não termina na quadra: ele e sua produtora, fundada em parceria com o empresário Maverick Carter, a Spring Hill Company, acabam de ser reconhecidos com o prêmio Outstanding Long Sports Documentary, da HBO, em que contam sobre a carreira de Muhammad Ali.

Jamie Foxx é a estrela de ‘Project Power’ na Netflix

No Twitter, ele agradeceu aos envolvidos na produção. Aos 35 anos, James também foi indicado pelo talk-show, também da HBO, The Shop: UNINTERRUPTED.

Suas habilidades fora das quadras não para por aí: James, que é pai de Zhuri Nova, de 5 anos, Bryce Maximus, de 13, e LeBron Raymone Jr., de 15, deu uma entrevista no início do mês falando sobre o lançamento de seu primeiro livro infantil, chamado I Promise. O jogador diz que o objetivo do livro era ajudar crianças a “perceber que elas podem tudo.”

James complementa, dizendo: “Quero que elas tenham confiança em si mesmas e no que são capazes de fazer. Crianças só querem saber que alguém acredita nelas. Se pudermos dar a elas confiança e esperança para o futuro, isso muda tudo para elas. Espero que esse livro possa ser essa fonte de inspiração e o empurrão de que elas precisam para ir atrás de seus sonhos.”

O livro, publicado na terça-feira, fala sobre crianças diversas que riem, brincam e trabalham juntas enquanto prometem serem líderes, aprender e se voltar para sua comunidade, já está disponível na Amazon (por enquanto somente em inglês – capa dura e Kindle).

Compartilhe

Thais Senahttp://www.todosnegrosdomundo.com.br
Sou professora de inglês, formada em Comércio Exterior, estudante de Pedagogia na Universidade Federal de São Paulo e parte do grupo de Pesquisa Laroyê - Culturas Infantis e Pedagogias Descolonizadoras. Já atuei como professora voluntária e em projetos populares, fez formação em parceria com a Prefeitura de São Paulo e o Conselho Britânico e há 6 anos atua também na Ebony English, que ensina inglês com cultura negra.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES