fbpx
19.5 C
São Paulo
terça-feira, 07 dezembro 2021
HomeTelevisãoJoão Luiz fala sobre comentário racista de Rodolffo

João Luiz fala sobre comentário racista de Rodolffo

O professor comentou sobre o ato racista de Rodolffo durante o Jogo da Discórdia.

Na noite de ontem (5), aconteceu o Jogo da Discórdia no Big Brother Brasil. A dinâmica consistia em cada jogador apontar quem eles consideravam o “melhor jogador”, “pior jogador” e “quem jogava sujo” e o professor João Luiz aproveitou o momento para explicar algumas coisas.

Após ganhar 1,5 milhão de reais no Big Brother, Thelma ganha 1,5 milhão de seguidores nas redes sociais em 24h

João Luiz aproveitou o momento para desabafar sobre o comentário racista de Rodolffo, onde o mesmo comparava o cabelo do professor com a peruca do monstro, que era uma fantasia de homem das cavernas.

“No sábado aconteceu uma situação lá no quarto cordel. Eu estou falando isso agora, é momento de muita coragem. O Rodolffo chegou a fazer uma piada, comparando a peruca do monstro da pré-história com o meu cabelo. Tocou num ponto muito específico, porque o jogo pode ser, sim, de coisas que a gente vive aqui dentro, mas também tem que ser um jogo de respeito. Eu te daria mais umas quatro flechas daquela”, explicou o professor.

Após este momento, o apresentador Tiago Leifert perguntou se o cantor queria dizer algo e, mesmo após a fala de João Luiz, ele reforçou o comentário racista.

“Se todo mundo observou como era a peruca do monstro, acredito eu que é um pouco semelhante. E não tem nada a ver isso”, contou Rodolffo.

“Naquela hora lá no quarto eu me calei. Mas você não sabe o quanto aquilo que você falou me machucou, me machucou muito. Não adianta vir com discurso que você não teve a intenção, que eu estou cansado de ouvir isso, não é só aqui dentro, é lá fora também. Porque não é mais fácil para você reconhecer que errou? Não estou em um desenho animado! Não sou a Pedrita pra usar peruca de pré-história não! Tem osso no meu cabelo?”, completou João Luiz, ainda abalado pelo comentário.

“Você não sabe, você pode não sentir, mas eu sinto isso todo dia, desde o dia que eu nasci.”, finalizou o professor.

“Desculpa, eu só fui saber disso agora. Perdão.”, se desculpou Rodolffo após ser questionado por outros participantes.

“Talvez não seja a sua intenção, mas isso magoa. Para a gente que ouve, é cansativo”, conversou Camilla com o cantor em particular para esclarecer algumas coisas.

Compartilhe

Vinícius Gonçalves
Geminiano, viciado em tecnologia, filmes de terror e cinema.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES