fbpx
19.5 C
São Paulo
sexta-feira, 03 dezembro 2021
HomeNotíciaIce Cube lança "Contrato com a América Negra"

Ice Cube lança “Contrato com a América Negra”

O ícone do rap Ice Cube anunciou por meio do seu perfil no Twitter, no último final de semana, uma iniciativa chamada “Contrato com a América Negra”. Com 22 páginas, o documento detalha um plano para atacar o racismo nos Estados Unidos.

Beyoncé lança trailer do álbum visual “Black is King”

Na publicação, o artista de 51 anos declarou: “Temos trabalhado com uma série de especialistas e ótimas pessoas nas últimas semanas. O documento é muito mais forte e mais detalhado. Vamos continuar em direção à perfeição.”

A introdução do contrato diz que o seu objetivo é “promover uma completa mudança no paradigma e na maneira como administramos nossas instituições e operamos nosso país” e prossegue dizendo que “embora esse contrato com a América Negra possa parecer radical para alguns, o resultado será uma sociedade harmoniosa que beneficia a todos.”

Esta semana, Ice Cube participou do programa The Breakfast Club para falar sobre o projeto e disse que, embora reconheça que o documento esteja longe da perfeição, ele sente ser um passo na direção certa para ver mudanças significativas para a comunidade negra na luta contra o racismo.

“Se você só fizer a reforma policial, haverá abuso em outras áreas. Temos que fazer não apenas a reforma da polícia, mas reforma judiciária e carcerária. A 13ª emenda ainda permite a escravidão quando se trata de encarceramento. Essas coisas precisam ser corrigidas e vão começar a resolver muitos dos problemas que enfrentamos nos Estados Unidos”, concluiu o rapper.

ViaBET

Compartilhe

Thais Senahttp://www.todosnegrosdomundo.com.br
Sou professora de inglês, formada em Comércio Exterior, estudante de Pedagogia na Universidade Federal de São Paulo e parte do grupo de Pesquisa Laroyê - Culturas Infantis e Pedagogias Descolonizadoras. Já atuei como professora voluntária e em projetos populares, fez formação em parceria com a Prefeitura de São Paulo e o Conselho Britânico e há 6 anos atua também na Ebony English, que ensina inglês com cultura negra.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES