Esporte

Fernandinho é alvo de racismo após eliminação do Brasil na Copa

Na última sexta-feira (06), o Brasil foi eliminado da Copa do Mundo após derrota da Bélgica por 2 a 0. O fim da expectativa sobre o hexa em 2018 rendeu diferentes manifestações nas redes sociais. Torcedores chateados comentavam a eliminação criticando o desempenho dos jogadores ou mesmo analisando passes que podiam ter sido finalizados de maneira diferente.

Se tratando de bola na rede, todo brasileiro é um pouco comentarista sobre jogos. No entanto, o futebol é o momento perfeito para a disseminação do racismo: é o momento em que negros se expõem, fazendo parte do esporte mais influente do mundo, e sofrem racismo por seu bom ou mal desempenho. Se corre muito, está apto para fazer arrastões. Se não joga como o esperado, é macaco.

Embora ambas manifestações racistas tenham sido feitas sobre jogadores diferentes, saíram dos tweets de brasileiros, o que revela o mito da democracia racial no “país do futebol”. Dessa vez, a vítima dos ataques racistas foi Fernandinho, após a eliminação do Brasil no mundial. No Twitter, uma nova chuva de racismo: nem parece que há uma semana o Twitter de um famoso youtuber, Júlio Cocielo, ganhou repercussão pelo mesmo preconceito.

 

A derrota do Brasil resulta do desempenho de uma equipe. Ainda que o culpado fosse um só jogador, nada além do seu futebol poderia ser apontado, muito menos sua identidade racial. Fernandinho tem todo nosso apoio e nossa gratidão por ter dado seu melhor. No demais, que a justiça seja feita e que a internet deixe de ser essa terra de ninguém em que dia após dia, somos alvo de ataques racistas.

Compartilhe esta notícia
Load More Related Articles
Load More By Amanda Sthephanie
Load More In Esporte

Facebook Comments

deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Além disso, verifique

Marta protesta em prol da igualdade em campo

Em campo, talento, ginga, pênalti, gol, um cartão ...

Facebook

Newsletter