fbpx
19.5 C
São Paulo
segunda-feira, 06 dezembro 2021
HomeNotíciaAs expectativas com “Falas Negras”

As expectativas com “Falas Negras”

“Falas Negras” é um especial dirigido por Lázaro Ramos para celebrar do dia da Consciência Negra, 20 de novembro

A obra se baseia no depoimento e discursos daqueles que lutaram e ainda lutam pela igualdade social. Com personagens reais que fizeram história ao redor do mundo e do Brasil, interpretados por grandes nomes da dramaturgia nacional. Falas Negras promete ser a consciência que faltava na televisão brasileira.

No mês de novembro é comum ver manifestações antirracistas nas redes sociais e empresas se posicionando. Entretanto, nada muda na realidade do dia a dia. Claro que um único especial de TV possa mudar de uma hora para outra toda a história dos pretos e pretas deste país. Mas é sempre bom ver uma produção um pouco mais preocupada com a ancestralidade e com uma equipe composta por pretos.

Lázaro Ramos ganha prêmio internacional

Lázaro Ramos já se mostrou um grande ator e diretor, agora só reforça sua carreira por trás das telinhas. O elenco tem peso e talento de sobra. Taís Araújo vai interpretar Marielle Franco, as fotos da caracterização da atriz já causaram grande comoção nas redes sociais. Além disso, a minissérie também traz histórias de gente “comum” que está lutando, como Mirtes, mãe do menino Miguel, que faleceu após o descaso de Sari Corte Real, a então patroa de Mirtes. Absorvida do caso, como se a morte de um menino de 5 anos fosse uma banalidade, o que reforça as leis racistas em que vivemos.

Pelas chamadas divulgadas pela emissora, já vimos que “Falas Negras” não é escrito e produzido para ser leve. O antirracismo incomoda, toca na ferida. Só assim podemos descontruir. A obra vai ao ar no dia 20 de novembro, logo após “A Força do Querer”. E não esqueça de conferir as chamadas de “Fala Negras”.

Compartilhe

Maria Angélicahttp://www.todosnegrosdomundo.com.br
Tenho 22 anos, sou nascida e criada no litoral, caiçara com muito orgulho. Além disso, também sou formada em Comunicação Social - Jornalismo. Sempre me encantei com o poder das palavras e por isso sinto que o jornalismo me escolheu, durante a minha breve trajetória profissional tive a oportunidade de contar histórias lindas e é o que pretendo continuar fazendo.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES