fbpx
19.5 C
São Paulo
segunda-feira, 16 maio 2022
HomeAgendaCineB Solar faz sessões gratuitas do filme nacional Galeria Futuro

CineB Solar faz sessões gratuitas do filme nacional Galeria Futuro

CineB, primeiro cinema movido à energia solar do Brasil completa 15 anos com público superior a 90 mil espectadores, 160 bairros percorridos e mais de 620 sessões gratuitas.

Com os atores Marcelo Serrado, Otavio Muller e Ailton Graça, Galeria Futuro é o filme exibido durante o mês de maio pelo projeto CineB Solar, circuito itinerante de cinema realizado pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região com a Brazucah Produções. A iniciativa busca democratizar o acesso ao cinema nacional e divulgar os filmes produzidos no Brasil. Unindo o trabalho sociocultural com a questão ambiental, o projeto conta com um sistema de captação de energia solar em uma van adaptada com painéis fotovoltaicos e baterias que carregam a energia que vai ser utiliza durante toda a exibição do filme, substituindo a energia elétrica.

Artesãs selecionadas pelo ‘Mãos Empoderadas’ dão início ao programa de aprendizagem na Casa de Cultura do Itaim

O longa dirigido por Fernando Sanches e Afonso Poyart tem sessões nos dias 6 de maio, sexta-feira, às 19h, no Condomínio São Cristóvão, em Osasco; 8 de maio, domingo, às 19h, no Centro Cultural Jardim Julieta (zona norte, São Paulo); 12 de maio, quinta-feira, 19h, no Centro Comunitário Nossa Senhora Aparecida no Jardim Peri (zona norte, São Paulo) e 13 de maio, sexta-feira, às 19h, na Escola Joaquim Fernando Paes de Barros Neto, em Itapecerica da Serra.

Em Galeria Futuro, Valentim (Marcelo Serrado), Kodak (Otavio Muller) e Eddie (Ailton Graça) são três amigos de infância que trabalham como lojistas na Galeria Futuro, um centro comercial no Rio de Janeiro. A beira da falência, a administração da galeria é surpreendida com a proposta milionária de um pastor que quer transformar o local em uma igreja evangélica. Arrasados com a possibilidade de perder suas lojas, o trio precisa encarar o presente, vencer limitações e confrontar seu futuro.

“Com exibições de 147 longas-metragens e 100 curtas-metragens chegamos ao mês de maio com mais um filme do cinema nacional. Nosso projeto, que completa 15 anos em 2022, oferece gratuitamente lazer e cultura para a população de São Paulo”, enfatiza Cidálio Vieira, coordenador do CineB Solar.

Com às restrições impostas pela pandemia de Covid-19, o projeto CineB Solar irá retornar aos poucos com suas exibições presenciais e coletivas. Visando o bem-estar dos espectadores, as sessões durante esta retomada seguem protocolos de segurança, como a obrigatoriedade de utilização de máscaras e o distanciamento entre os assentos, além de disponibilização de álcool 70% para higienização das mãos. Toda a equipe de produção já possui imunização completa e será testada para Covid-19 antes das exibições. E toda sessão o público terá que apresentar o passaporte de vacinação.

Criado em 2007 pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região, o CineB passou a se chamar CineB Solar em 2018, quando passou a circular com uma van que gera, através de placas solares, a própria energia consumida no evento. Já atingiu um público superior a 90 mil espectadores, 160 bairros percorridos, em mais de 620 sessões gratuitas realizadas em comunidades e universidades de São Paulo. Nesse momento de isolamento, para evitar aglomerações, se reinventaram e prepararam novos projetos: CineB on-line, CineB Solar na Janela e CineB Autorama, ações para que todos possam ficar em casa e se divertir com uma sessão de cinema.

Compartilhe

Vinícius Gonçalves
Geminiano, viciado em tecnologia, filmes de terror e cinema.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES