fbpx
19.5 C
São Paulo
segunda-feira, 29 novembro 2021
HomeNotíciaCâncer de Cólon: O que é a doença que levou Chadwick Boseman?

Câncer de Cólon: O que é a doença que levou Chadwick Boseman?

Por Dra. Fernanda Ribeiro

Sem dúvida 2020 foi um ano de heróis e vilões, como nos filmes de ficção estrelados por Chadwick Boseman. Alguns profissionais da saúde e da segurança vêm sendo considerados heróis pelo seu trabalho frente à pandemia, e a própria COVID-19, sem dúvida, foi a grande vilã do ano: a mais citada e a mais odiada, causando grande barulho mundo a fora. 

Mas, como fazer quando a ameaça vem de um vilão silencioso? 

Foi esse tipo de vilão que Chadwick Boseman, o eterno Pantera Negra, enfrentou bravamente por quatro anos seguidos, tendo perdido a batalha nesta última sexta-feira. Instalado na porção final do intestino, conhecida anatomicamente como cólon, Chadwick descobriu o câncer já em sua fase avançada localmente, com comprometimento dos linfonodos locais (fase 03), tendo posteriormente se disseminado para outras partes do corpo, o que é chamado de metástase.

O câncer de cólon e reto é uma das doenças oncológicas que mais cresce no mundo, sendo o segundo tipo de câncer mais comum no Brasil, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer. Por ser uma doença silenciosa, apresentando sintomas somente em sua fase avançada, os exames preventivos são primordiais a partir dos 50 anos – lembrando que Boseman foi acometido ainda jovem pela doença, aos 40 anos. Os principais fatores de risco são doenças intestinais prévias (como colite ou Doença de Crohn), a famigerada genética (aqueles que tem histórico familiar devem estar mais atentos); a má alimentação também se enquadra como um fator de risco e a presença de pólipos intestinais, que devem ser acompanhados de perto pelo médico responsável.

Uma vez diagnosticada, a doença possui tratamento como radioterapia, quimioterapia e cirurgia de retirada de partes do intestino, tratamento este que, quanto mais cedo iniciado, mais tem chances de sucesso. Quanto a prevenção, sabe-se que evitar alimentos gordurosos, beber água, alimentar-se com fibras e fazer atividades físicas regulares tem considerável impacto na doença. Sabe-se também que as pessoas com histórico familiar da doença devem iniciar acompanhamento precocemente. Também faz parte da prevenção o acompanhamento com medico especialista – o proctologista – e exames de sangue e imagem quando indicados, dentre eles a temida e evitada colonoscopia.

Quanto ao talentoso e jovem Pantera Negra, não há dúvidas quanto ao seu heroísmo. Diagnosticado com a doença em 2016, o ator nos entregou suas maiores atuações enquanto era submetido ao tratamento doloroso e extenuante da doença. Quem poderia dizer que o ator que pulava, corria e dava piruetas no papel do rei de Wakanda era submetido a sessões de quimioterapia, radioterapia e cirurgias? Um verdadeiro herói da vida real que esteve entre nós e que agora repousa nos campos ancestrais.

Wakanda para sempre!

Compartilhe

- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES