Dança

Bailarina negra fala sobre sapatilhas que combinam com a cor da sua pele

Ingrid Silva fala sobre diversidade ao calçar sapatilhas que combinam com sua cor de pele. Foto: Reprodução/Instagram

“Meu primeiro par de sapatilha do ano, animadíssima”. É assim que Ingrid Silva, bailarina negra, descreve a sensação de calçar sapatilhas que combinam com a sua pele.

Nas redes sociais, Ingrid lembra o quão importante é ver o mundo da dança mais diverso e lembra que a sapatilha é uma extensão do corpo da bailarina. Sendo assim, as cores “tradicionais” reforçam o quanto a dança já foi – e ainda é – racista.

No entanto, passo a passo, devagar, sapatilhas como esta alimentam a diversidade num espaço antes pouco acessado pela população negra e que agora conta com Ingrid Silva e tantas outras pessoas que ecoam na dança o salto da diversidade.

Compartilhe esta notícia
Load More Related Articles
Load More By Amanda Sthephanie
Load More In Dança

Facebook Comments

deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Além disso, verifique

“Dança nas Bordas” reúne artistas periféricos em programação gratuita

De 21 de março a 13 de abril, ...