fbpx
19.5 C
São Paulo
terça-feira, 07 dezembro 2021
HomeAgenda"Atotô - Silêncio, o Rei está na Terra", novo espetáculo da Cia...

“Atotô – Silêncio, o Rei está na Terra”, novo espetáculo da Cia Odara, chega ao Teatro Oficina

Com grande elenco, a peça, que foi apresentada em praças públicas e monumentos históricos da cidade durante a Virada Cultural de 2019, ocupa o Teatro Oficina em duas únicas apresentações nos próximos dias 22 e 29 de novembro

O Teatro Oficina recebe, em 22 e 29 de novembro, o espetáculo “Atotô – Silêncio, o Rei Está na Terra”, com montagem da Cia Odara e direção de Márcio Telles, que reúne, em seu elenco,cerca de 40 pessoas entre atrizes, bailarinos, dançarinos, cantores, músicos, percussionistas,capoeiras, sambistas, técnicos, produtores e promotores da cultura e das tradições de matriz africana que estão no alicerce da construção da apresentação.

A montagem, que foi apresentada durante a última Virada Cultural, ocorrida em 2019, traz como tema central a figura sagrada de Obaluaiyê, a divindade de matriz africana que representa a doença e a cura e os ciclos de renascimento, de crescimento por meio da dor,do amor e do autoconhecimento.

“A peça é inspirada em um dos Itans de Obaluaiyê, Orixá do elemento terra, senhor da doença e da cura que, rejeitado por sua aparência, se fazia repugnante aos olhos dos outros devido às chagas que exibia em seu corpo e que, com o passar do tempo, teve o poder da transmutação, trazendo a magia da cura”, afirma Telles.

Nessa retomada dos encontros presenciais, o diretor e sua trupe resolveram ocupar o Teatro Oficina dentro de sua proposta de dialogar com territórios legítimos da contracultura e, no caso desse emblemático endereço da capital paulista, por estar incrustado em uma região historicamente ligada à ancestralidade preta da cidade. “Vivemos, todos, um longo período de luto que ainda não acabou, mas passa por uma travessia, um ressignificado, entendimento e aceitação. Obaluaiyê é a divindade que traz o peso desse sentimento, responsabilidade e consequências, mas também é aquele que alivia a dor, permite a cura de fato, profunda, de todas as chagas”, pondera Telles.

Com duração de 90 minutos e elenco majoritariamente negro, o espetáculo reúne importantes elementos para a manutenção e a resistência de narrativas yorubás, seja na música, na dança, na literatura e na dramaturgia.

Em “Atotô – Silêncio, O Rei Está na Terra” a luz confronta a sombra, o amor confronta a dor, atabaques e xequerês buscam consonância com violinos e violoncelos. Tudo coberto pelas palhas do grande rei negro.

Com participações da cantora Raquel Tobias e da atriz Lena Silva, o espetáculo tem a assinatura de Ito Alves na direção musical e coreografias de Cristina Matamba. Nesta edição, a produção executiva é de Diego Dionísio, da Tadito Produção.

A Cia Odara já havia ocupado o Teatro Oficina em sua última montagem,“Odara – Tradição, Cultura e Costumes de um Povo”, em outubro de 2018, levando para a cena a narrativa da criação do mundo segundo referências yorubás, em alinhamento com o pensamento afro-centrado de toda a produção e trajetória de Telles.

“Acho que a Cia Odara tem um conceito de narrativa e uma visão estética que lhe são muito peculiares. Caminho nesse chão há muito tempo e recolhi, dentro de toda a minha trajetória, vivência e pesquisas. Admiro extremamente o trabalho e a trajetória do Balé Folclórico da Bahia e o bailarino e coreógrafo Ivaldo Bertazzo, por exemplo. Até hoje, em todas as minhas montagens a dança, a música e a negritude se fazem foco central”, diz Telles.

(serviço)

Atotô – Silêncio, o Rei Está na Terra

Local: Teatro Oficina

Endereço:Rua Jaceguai, 520- Bixiga

Datas: 22 e 29 de novembro (segundas-feiras), às 20h

Duração: 90 minutos

Elenco:

Direção: Márcio Telles

Classificação indicativa: 12 anos

Ingressos: R$70 (inteira), R$ 35 (estudantes, professores de rede pública, classe artística mediante comprovação, moradores do bairro mediante comprovante de residência), R$5 (estudantes secundaristas de escola pública, imigrantes, refugiados, moradores de movimentos sociais de luta por moradiamediante comprovante)– limitados a 10% da lotação diária.

Ingressos antecipados:  https://bileto.sympla.com.br/event/70118/d/115706/s/679618

A bilheteria do teatro abre com uma hora de antecedência nos dias de espetáculo

Instagram:https://www.instagram.com/odara.telles/

Facebook:https://www.facebook.com/Projetoodara/

Twitter: https://twitter.com/OdaraProjeto?s=09

Compartilhe

- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES