fbpx
19.5 C
São Paulo
sábado, 27 novembro 2021
HomeNotíciaAdvogada negra foi detida, algemada e arrastada durante audiência

Advogada negra foi detida, algemada e arrastada durante audiência

Na última segunda-feira (10), a advogada Valéria Lucia dos Santos foi detida, algemada e arrastada durante audiência em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.

Ao solicitar à juíza a peça da defesa, teve o pedido negado e foi abordada por policiais a pedido da maior autoridade no espaço. Inconformadas, pessoas presentes gravaram partes da trama que revela nada mais do que o racismo presente no sistema Judiciário.

Em entrevista ao JOTA, a vítima discorreu sobre em dado momento sua cliente precisar defendê-la, explicando que Valéria era advogada, após pergunta da juíza sobre o grau de parentesco da advogada e da cliente, ambas negras.

Em depoimento à Folha, Valéria relatou o ocorrido: “A ficha do racismo só caiu quando eu estava no chão, algemada. Os policiais me pegaram cada um por um braço na sala de audiência e me arrastaram em pé até o corredor. Não fui violenta com ninguém, só não me movi. Quando chegou do lado de fora da sala, me deram uma rasteira e eu caí sentada. Depois colocaram as algemas.”

Ao discorrer sobre o sistema racista em que vivemos, a advogada lembrou da escravidão: “Como é a formação da nossa sociedade? Vamos dar os nomes: tem o senhor de engenho, a senhorinha, o capitão do mato. E quem estava no chão algemado? Eu.”

Em seguida, Valéria lembrou que o racismo existe, mas que não quer atrelar seu caso a ele, já que a sociedade enxerga essa manifestação como vitimismo. “A minha luta ali era garantir o meu direito de trabalhar. O racismo vai voltar a acontecer. Eu tento abstrair, ignoro. Mas não dá para tirar o meu ganha pão.”

Na última terça-feira (11), a OAB-RJ organizou uma coletiva de imprensa de posicionamento sobre o acontecido, pedindo afastamento da juíza e dos policiais envolvidos na prisão de Valéria.

Compartilhe

Amanda Sthephaniehttp://www.todosnegrosdomundo.com.br
Preta. Pobre. Poeta. Periférica. Prounista. Filha de Oxum, tem paixão pela palavra e estuda o último ano de Jornalismo na Universidade Presbiteriana Mackenzie.
- Advertisment -
- Advertisment -

MAIS LIDAS

COMENTÁRIOS RECENTES