Não Me Representa

Atriz negra desaparece “misteriosamente” de comercial da Piccadilly


Doc11

Um dos maiores mistérios da humanidade surgiu nos últimos dias com o lançamento de um comercial da marca de calçados femininos Piccadilly.

O comercial até que começa bem, com mulheres lindas cantando a música “Dancing Days” de Lulu Santos. Fica melhor quando aos 6 segundos de vídeo aparece uma linda mulher negra cantando um trecho da música. Como parte do vídeo, essas mulheres estão todas se preparando para “abrir as asas e soltar as feras”, como sugere a canção. Depois de se prepararem, como quem vai “para o dia-a-dia”, elas saem de casa e fazem uma coreografia na rua no ritmo da música enquanto ainda cantam. Primeiro saem de casa 5 mulheres que formam o “primeiro escalão” do comercial e da coreografia. Até ai beleza, já estamos “acostumados” a não estarmos no primeiro escalão.

Doc12

Mas, nem tudo estava perdido pois outras mulheres continuam a sair das casas e se integram ao grupo da coreografia. Pensei: “agora sim nossa, nossa negra dos 6 segundos vai aparecer e arrebentar na coreografia”. Ledo engano.

Com essas novas meninas envolvidas na coreografia, em um cenário que lembra a rua de uma vila, são no total 11 mulheres dançando e mais uma sentada. Ao lado dessa que está sentada, há até um homem. Ambos figurantes que estão a observar todas aquelas mulheres lindas e poderosas, dançando e soltando suas feras. Mas, nenhumas das mulheres que estão dançando, ou o homem, é a nossa negra dos 6 segundos.

Doc13

Gostaria de deixar uma pergunta no ar para quem quiser responder. Onde está a negra dos 6 segundos?

Prováveis possibilidades:

  • A gravação foi dividida em duas diárias e ela não pode comparecer no dia da coreografia pois pegou H1N1.
  • Na hora descobriram que a negra não sabia dançar e foi substituída por uma loira.
  • Ela até dançou. Mas ao rodopiar com um sapato de salto alto ela torceu o tornozelo e foi substituída por uma loira.
  • O trecho “caia na gandaia” que ela canta aos 6 segundos combina mais com negras do que “livre leve e linda” que elas cantam enquanto fazem a coreografia.
  • Ela na verdade é o homem que está sentado. O figurante faltou e eles só puderam colocá-la, já que convenceu mais como homem estando de lado, maquiada como tal.
  • Ela foi representada pela bicicleta preta que aparece aos 29, 32, 41, 44, 46, 48, 51 e 55 segundos

ASSISTAM O VÍDEO

Caso a Piccadilly ou qualquer pessoa no planeta tenha a resposta para os motivos que levaram a negra dos 6 segundos desaparecer do vídeo, e nenhuma outra preta ser colocada no lugar, favor entrar em contato com a nossa humilde redação.

Enquanto isso, aconselhamos nossas irmãs, que consideram ter mais valor que uma bicicleta, já que a mesma apareceu mais do que a negra dos 6 segundos, que não coloquem seus pezinhos de rainha em calçados da marca Piccadilly. Porque, afinal de contas, vocês podem se sentir livres, leves e lindas estando descalças, de chinelos ou de Louboutin, mas jamais devem deixar de ser representadas, pois seu dinheiro não tem cor e é muito bem aceito por qualquer empresa.

O que importa é que sejamos representados e da maneira correta, da maneira que nos agrade, sim. Não queremos ser representados de qualquer maneira ou ter menos prestígio que uma bicicleta. Queremos protagonismo, estar na linha de frente. Afinal de contas, somos mais da metade da população desse país e movimentamos 500 bilhões de reais todos os anos.

PortantoPiccadilly_logo_new meninas pretas do Brasil, por enquanto, não comprem calçados dessa marca até que alguma retratação ou mudanças em sua conduta publicitária sejam feitas. Mulher negra não precisa de uma marca qualquer para se sentir livre, leve e linda.

 

 

Se não me vejo, não compro!!

 

 

 

 

 

Compartilhe esta notícia
Load More Related Articles
Load More By TNM
Load More In Não Me Representa

Facebook Comments

4 Comentários


  1. Álvaro RsoaCosta

    13/05/2016 em 19:20

    6 segundos??? kkkkk! Mas que cronometro vcs usaram?? No meu deu 2 segundos e pouco. Infelizmente, aqui no RGS, isso é muito corriqueiro e triste.

    Responder

    • TNM

      17/05/2016 em 10:26

      Querido, não dissemos que ela apareceu por 6 segundos. Dissemos que ela apareceu aos 6 segundos de vídeo. Realmente ela não ficou mais de 1 segundo na tela.

      Responder

  2. Aolton

    14/05/2016 em 08:45

    Sou negro tenho um filho recém nascido
    E estou com medo de ligar a tv pra ele assistir
    Daqui um tempo.
    Pois ele não vai se achar

    Responder

  3. carol lee

    07/06/2016 em 23:16

    A justificativa do representante da Piccadilly para o sumiço da moça negra é a cara dos brasileiros hipócritas e racistas, sabe quando alguém é pego no “pulo” em ato que chamam de injúria racial e aí vai preso? a justificativa é sempre a mesma; aquela velha e revoltante resposta: ” eu não sou racista, meu ( pai, mãe, avó, tataravó é negro) – que preguiça dessa gente.
    Então, o representante da Piccadilly nem criativo foi… ao serem pegos em ato mais que racista, qual foi a resposta? “… queridos, a gente até contratou ( uma global famosa e lindíssima negra) pra apresentar a nova coleção…” agora, gente… eu não vi, mas tenho certeza que se houve um desfile se teve uma ou duas negras anônimas na passarela deve ter sido muito.
    Ah vá… conta outra! finalmente esse blá, blá, blá de gente hipócrita e racista não nos convence mais – vamos em frente com a “bandeira” não nos representa não terá o nosso dinheiro.
    Sapatos feios e de pessoas feias que o representam – nunca usei a marca e depois dessa jamais usarei.

    Responder

deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Além disso, verifique

Havaianas lança linha de chinelos de princesas da Disney mas ignora princesa negra

Havaianas é a famosa marca de chinelos (ou ...

Facebook

Newsletter